terça-feira, 9 de dezembro de 2008

ESTADOS DE ALMA

AS COISAS QUE EU PENSO
EM CAUSAS...EFEITOS
QUANDO POR CERTO
NÃO PENSO DE TODO
LIMITO-M-AGIR
SOB A FORMA
DE UM PENSAMENTO LIBRE!
MEUS BRAÇOS DORIDOS
APERTAM
AS ASAS SANGRENTAS
DE VOOS
FALHADOS...FRUSTRADOS
E OUTROS TANTOS DEVANEIOS
NA CLAUSURA DA SANIDADE BOROLENTA!
QUERO SER LOUCO!QUE PORRA!QUE MERDA!
DEIXEM-ME IR
ONDE O ABISMO ME CHAMA!
DEIXEM-ME ARDER
QUE DE BOA LENHA SOU FEITO
(EMBORA JÁ VELHA E GASTA)!
QUE O LUME DA LOUCURA
DERRETA AS AMARRAS
QUE O FUMO ESPESSO TRANSPORTE MEU SER
PARA LÁ DAS ALGEMAS
DO CORPO CANSADO...
duartenovale a voar

9 comentários:

fotógrafa disse...

Pensar...não pensar...
agir...cansar...
é a vida!!!
abraço

Ana Camarra disse...

Duarte

Todos nós temos dias de asas quebradas onde nos apetece só e apenas voar sem destino ou até ao sol.
Entretanto criámos amarras, ancoras que nos prendem, por elas e por nós podemos apenas e só vaguear no limbo.
Depois de sacudir as asas, ageitamos as penas, voltamos a planar.

Beijos

monge disse...

salut compagnon!

esta chafarrica tramou-me quando já levava um coment a meio no teu post, death, o qual me fez despertar umas palavras de Dumas "duas coisas belas tem o mundo: a arte e a morte", as quais se arrumam bem nessa inquietante sequência de imagens.
lamento só agora aparecer neste teu canto do nosso vale, mas acredita que é só por uma absoluta falta de tempo, esse eterno e implacável carrasco que teima em separar-me o corpo da alma.
acredita também que dei uma vista d'olhos ao longo de todo o vale, o qual também sinto daqui, e muito me apraz ver-te tão proficuo na tua serena revolução, algemada nesse corpo adormecido.
apesar de tarde, parece-me ter encontrado nesses estados de alma alguns esquícios d'outros tempos, já longínquos e perdidos em alegres noites passdas por alma(da)s perdidas num andar, mas caminhando par a par.
Sem me alongar mais, fica a promessa do regresso

hasta siempre

duarte disse...

fotografa
E que vida...mas pronto é a que tenho
abraços

ana
obrigado,camarada...
duarte à procura do secador!
outros para ti e os teus

monge
sê bem vindo! já tive no zig-zag...
deixei lá um coment.
fica aqui a promessa de o regresso do almada(sem lindinhas)...
abraço camarada,companheiro amigo

fotógrafa disse...

Lamento que não possas ver o video...
Não sei muito bem porquê,porque tens visto os outros, mas como sou uma tapadinha nisto da informática...rsrsrs
abraço

Lúcia disse...

'QUE O LUME DA LOUCURA
DERRETA AS AMARRAS
QUE O FUMO ESPESSO TRANSPORTE MEU SER
PARA LÁ DAS ALGEMAS
DO CORPO CANSADO...'
Forte, Duarte. Um grito! Gostei muito.

Abraço

duarte disse...

fotografa
happy-hour oblige!
abraço

Lucia
é um grito...sim senhora!
fez-me bem...
abraço

utopia das palavras disse...

Foi gostoso estar aqui...e ver-te suplicar o teu voo.
Voa amigo, o quanto baste para sentir que o vento não é sonho...!

Gosto do teu blog (boa musica)
Um abraço

duarte disse...

BEM VINDO
utopia das palavras
as vezes mais parece um pesadelo...
obrigado pela visita
abraço do vale